O Verão tem o valor simbólico de lazer, repouso, diversão; em suma bem-estar físico e psicológico.

No entanto, toda a envolvente ambiental e social desta estação do ano pode ser determinante de alguma alteração na saúde humana, designadamente a exposição prolongada e não protegida ao sol e às temperaturas elevadas, as quais podem conduzir à falta de apetite, cansaço, irritação, insónia, mal-estar geral e até incidentes mais graves como queimaduras solares, desidratação, golpes de calor e esgotamento.

Para enfrentar o Verão em segurança devem ser tomadas algumas precauções e devem também ser atendidas circunstâncias especiais de vida como são as das crianças, pessoas idosas, grávidas, pessoas com doenças crónicas e/ou acamadas, bem como as atividades ocupacionais ao ar livre ou em qualquer outra conjuntura de maior exposição às adversidades climatéricas desta época.

Este microsite pretende aumentar a literacia em saúde dos cidadãos ou seja capacitar os cidadãos para a sua proteção individual no período de verão/calor e também constituir um importante recurso de informação para os profissionais.  

A informação que aqui se apresenta está de acordo com o preconizado no Plano de Contingência Saúde Sazonal- Módulo Verão da Direção – Geral da Saúde (DGS) 2017.

Plano Contingência Saude Sazonal Verão 2017